Acompanhe

Sente dores intensas na menstruação? Entenda por que isso não é normal

Doença vem recebendo atenção
Compartilhar no WhatsApp Compartilhar no Telegram

Ter algum tipo de cólica durante menstruação é comum, mas as aquelas dores que pioram progressivamente a cada ciclo e chegam a ser incapacitantes não podem ser naturalizadas

Ter algum tipo de cólica durante menstruação é comum, mas as aquelas dores que pioram progressivamente a cada ciclo e chegam a ser incapacitantes não podem ser naturalizadas Foto: Reprodução

Por que demora-se até 10 anos para diagnosticar a endometriose? Doença vem recebendo mais atenção na última década mas, por causa da banalização da dor da mulher, ainda se sabe muito pouco sobre o problema

Sabe a cólica menstrual, que as mulheres tanto naturalizam como algo que faz parte da vida? Pois é, ela não deveria ser vista assim, sobretudo se forem intensas e frequentes. A menstruação é uma função fisiológica da mulher, assim como fazer xixi, cocô, respirar. Quando qualquer uma dessas últimas situações geram algum incômodo sério, logo se desconfia de algo e um tratamento é buscado. O mesmo comportamento teria que ocorrer ao menstruar e sentir muita dor.

Mas a normalização da dor da mulher fez com que doenças como a endometriose fossem negligenciadas pela ciência, pela medicina e por várias pacientes por muitos anos. Ter algum tipo de cólica é comum: durante a menstruação há uma diminuição de sangue na parede do útero, e isso em geral causa alguma dor que tende a melhorar com medidas de conforto ou analgésicos. Mas aquelas dores que pioram progressivamente a cada ciclo e às vezes chegam a ser incapacitantes não podem ser naturalizadas.

É justamente essa banalização que faz com que muitas mulheres e pessoas com útero levem até dez anos, conforme estudos científicos internacionais, para diagnosticar a endometriose e iniciar um tratamento adequado.

Aliás, você já ouviu falar em endométrio? É o nome que damos ao tecido que cobre a parede interna do útero. Ele é expelido na menstruação em forma de sangramento, mas se parte desse tecido cai nos ovários ou no abdômen causa uma inflamação, a tal da endometriose.

Exames começaram 'outro dia'
A endometriose é uma doença complexa sobre a qual a gente começa a entender um pouco melhor só agora, com mais pesquisas sendo desenvolvidas. Mas é difícil de acreditar como uma doença que afasta as mulheres do trabalho, e as meninas da escola não foi uma questão de saúde pública importante antes, não é?

Fonte: Folhapress

Dê sua opinião: