Acompanhe

Edvaldo Marques toma posse na Secretaria de Produção Agropecuária

Posse foi nesta quinta-feira
Compartilhar no WhatsApp Compartilhar no Telegram

Dr. Pessoa e o secretário Edvaldo Marques

Dr. Pessoa e o secretário Edvaldo Marques Foto: Divulgação/Semcom

O advogado, ex-vereador, Edvaldo Marques  tornou posse nesta quinta-feira (8)  na secretaria Municipal de Produção Agropecuária. O prefeito de Teresina, Doutor Pessoa, esteve presente na  cerimônia de posse no salão nobre do Palácio da Cidade. O titular da nova secretaria de Produção Agropecuária, irá conduzir a pasta que foi planejada e criada durante reforma administrativa e aprovada na Câmara Municipal de Vereadores com unanimidade.

A nova secretaria deve fomentar recursos ao pequeno e médio produtor teresinense, proporcionando desta forma mais produtividade, gerando riquezas para o município de Teresina. De acordo com Edvaldo Marques, um dos primeiros passos a serem dados é a escolha de uma equipe técnica e competente.

“A missão é árdua de montar uma equipe técnica para trabalhar numa secretaria que estava no plano de Governo da campanha do Doutor Pessoa, e nesse momento me sinto preparado para assumir este desafio e agradeço a confiança e oportunidade que me está sendo dada. O objetivo é trabalhar junto com o produtor rural e ter uma estrutura tão competitiva quanto outros estados”, afirmou Edvaldo Marques.

Para o Prefeito de Teresina, Doutor Pessoa, a escolha do nome de Edvaldo Marques, foi uma decisão técnica e que deve beneficiar os que serão atendidos pela secretaria.

“O coronel Edvaldo Marques é um homem sério, e por onde passou deixou um legado de muito trabalho. Nessa escolha fugimos de um nome político e priorizamos um nome técnico que foi o dele que é preparado para gerir pessoas”, comentou o prefeito.

Secretaria Municipal de Produção Agropecuária
Após a implantação do órgão, e formação da a secretária terá como desafio combater a precária situação do sistema produtivo do município, e pretende fomentar o crédito ao produtor do campo, expandir a produção agrícola, coordenar políticas publicas para o setor, trabalhar a sustentabilidade, oferecer qualificação, contribuir com as hortas comunitárias e implantar campos de produção cujo a atuação será essencialmente na zona Rural.

Fonte: Ascom/PMT

Dê sua opinião: